Key Lime Pie | 13 coisas que poderão estar presentes no Android 5.0


(Fonte da imagem: Wikimedia Commons)

Key Lime Pie é o codinome para o Android 5.0, que tem como previsão de estreia o dia 5 de outubro deste ano (2013). Vale ressaltar, no entanto, que não há um anúncio oficial por parte da Google nem a respeito do lançamento da suposta atualização do Jelly Bean (para 4.3) quanto sobre o futuro update do SO para a versão 5.0.

Mesmo com o lançamento do iOS 7 para o consumidor final esperado para setembro e ambas as atualizações para o Windows Phone também com datas já previstas, a gigante de Mountain View mantém silêncio. Entrentanto, desde os primeiros anúncios sobre o sistema operacional, começou a surgir uma série de rumores com características que podem estar presentes já no seu lançamento.

Outras são previstas para o ano seguinte, pois dependem do aprimoramento de demais tecnologias, como o boato de um app para a integração com o Google Glass. Abaixo, separamos algumas das características mais comumente citadas, para que você possa ter ideia do que esperar na versão Key Lime Pie do Android.

1. Compatibilidade com aparelhos mais simples

Muitos especialistas sugerem que a Key Lime Pie será a primeira versão do Android completamente compatível com aparelhos mais simples. Vários rumores sugerem que o sistema vem sendo modelado para funcionar perfeitamente em dispositivos que possuam apenas 512 MB, por exemplo, e que podem ser adquiridos a preços mais baixos.

Esse fator resolveria o problema de atualização de muitas pessoas com aparelhos mais antigos, que não são capazes de receber uma versão mais nova do SO por restrições referentes à quantidade de memória RAM nos dispositivos. Assim, caso isso venha a ser confirmado, certamente o mercado do Android seria ampliado.

(Fonte da imagem: Divulgação Android)

Isso porque ele faria com que o sistema estivesse acessível, e com uma boa performance, a várias faixas da população em países com menor poder aquisitivo. Da mesma forma, em conjunto com esse rumor, também há especulações de que a Google esteja produzindo aparelhos de baixo custo.

2. Aplicativo para chamada com vídeo

O Android já passou por várias atualizações desde o seu lançamento; os aparelhos que adotam o sistema também estão mais modernos e com mais possibilidades a cada dia. Assim, atualmente, muitos dos dispositivos com o SO já possuem uma câmera frontal e todas as funcionalidades necessárias para realizar uma videoconferência.

No entanto, até o Jelly Bean, o Android ainda não possui um app nativo para realizar esse tipo de chamada com suporte a voz, texto e vídeo. Assim, essa representa uma das poucas funcionalidades na qual o SO está atrás nas competições com outros sistemas para aparelhos móveis (afinal, a Apple conta com o FaceTime, a BlackBerry possui a função nativa e o Windows Phone traz o Skype integrado).

Hangouts (Fonte da imagem: Divulgação Google)

Por isso, para a Key Lime Pie é esperado que a Google lance, também, o seu app nativo para videoconferências, aproveitando que vários aparelhos já possuem o hardware necessário para realizar a tarefa. Ou, talvez, eles optem por manter o Hangouts, que oferece a função e é uma aplicação lançada pela Google.

3. Gerenciamento de perfil

Embora até o presente momento não haja qualquer tipo de anúncio oficial por parte da Google, muitos esperam que a próxima versão do Android venha com um sistema de gerenciamento de perfil. Como essa é uma função já presente em alguns tablets com Android (utilizando Jelly Bean), é bem possível que ela venha integrada na versão Key Lime Pie.

Inclusive, analisando a concorrência, apenas os smartphones da BlackBerry possuem algo semelhante, logo, seria vantajoso lançar tal funcionalidade. Essa característica seria responsável por gerenciar o aparelho automaticamente para cada perfil criado. Assim, você poderia definir um conjunto de configurações para cada situação.

 
(Fonte da imagem: Divulgação Android)




Seria possível, por exemplo, definir um perfil para fazer com que durante a noite o aparelho permanecesse silencioso e as opções que consomem mais a bateria fossem desativadas, ou criar um conjunto de configurações para utilizar durante reuniões, viagens e outras circunstâncias.

4. Suporte para quem possui vários aparelhos

De uma forma geral podemos dizer que a Google tem feito um excelente trabalho no que diz respeito a oferecer suporte para quem possui mais do que um aparelho com Android. Isso, em parte, devido à possibilidade de você sincronizar diversas informações com o dispositivo, utilizando a sua conta pessoal.

Porém, ainda há funcionalidades que poderiam ser melhoradas. Por exemplo, digamos que você baixe um vídeo na Play Store e comece a assisti-lo no seu smartphone. Se você for abri-lo posteriormente no seu tablet, não há como voltar a ver do ponto no qual você parou. A opção para "resumir" um clipe que você pausou está disponível apenas no dispositivo no qual você iniciou a transmissão, sem sincronização com a sua conta.

(Fonte da imagem: iStock)

Alguns acreditam que seja possível a Google resolver esse tipo de inconveniente na versão Key Lime Pie do Android.

5. Integração de redes sociais

Atualmente, as pessoas também passaram a utilizar os smartphones para acessar redes sociais além de executar as funções normais oferecidas pelo telefone. O problema é que, embora alguns sistemas já possuam aplicações com suporte para esse tipo de serviço, o Android, ao menos até o presente momento, não veio com um app nativo para tal.

Você pode encontrar um aplicativo para o Google Plus e para o Facebook (que é particularmente lento em aparelhos mais simples), mas o Twitter, por exemplo, continua sem um cliente próprio. Para o Key Lime Pie, muitos esperam que seja lançado um app nativo, que permita não só o acesso às redes sociais como também a integração entre elas.

No entanto, como a maioria das outras funções, até o presente momento nenhum anúncio oficial foi realizado a respeito de uma função nesse estilo.

6. Sincronização de SMS

Uma das grandes funções presentes no Android é a sincronização dos seus contatos com a sua conta do Gmail. Isso não só previne a perda de algum deles como evita todo o trabalho gasto anotando a agenda de um celular quando você resolve mudar de aparelho. Porém, não há nada parecido ainda para as mensagens de texto (SMS) enviadas e recebidas.

Como já existe uma função para realizar a tarefa com os contatos, email e calendário, espera-se algo parecido, também para os torpedos. Os rumores variam desde armazenamento das mensagens “nas nuvens” até um sistema que faça o backup delas no chip.

7. Gerenciador de arquivos

Por mais que existam várias opções de gerenciadores de arquivos para Android no mercado, o sistema não conta com uma aplicação nativa para tal. O que costumeiramente acontece ao você adquirir um aparelho com o SO é receber o aplicativo da fabricante do dispositivo, como ocorre no caso da Samsung e tantas outras marcas.

(Fonte da imagem: iStock)

Assim, acredita-se que para a versão Key Lime Pie a Google passe a oferecer uma aplicação própria para a tarefa, algo que muitos que adotam o sistema vêm buscando desde as versões mais antigas.

8. Melhor gerenciamento de energia

Se há um ponto no qual vários consumidores que possuem um Android concordam é que a bateria do aparelho costuma se esgotar facilmente. Mesmo que em alguns casos ela venha a durar um pouco mais, o tempo total não costuma ser muito satisfatório, especialmente para quem utiliza jogos ou gosta de assistir a vídeos e streamings em geral.

Para quem já utiliza o Android a partir do 4.0, houve uma mudança notável na eficiência da bateria devido à otimizações tanto no hardware quanto no software. No entanto, uma das funções mais esperadas no Android é exatamente um gerenciador para as configurações de energia de uma maneira geral.

(Fonte da imagem: iStock)



A ideia é que a Google anuncie um app nativo para o Android que apresente não só perfis para o consumo de energia, como também algumas funções adicionais. Talvez, funções para que o dono do smartphone tenha mais controle sobre o consumo da bateria por parte das aplicações instaladas ou até mesmo um modo no qual você possa configurar como o aparelho deve se comportar em momentos específicos do dia.

9. Seleção de vários contatos

Outra função que pode estar disponível na versão Key Lime Pie do Android é a possibilidade de você selecionar mais do que um contato de uma vez só. No modelo atual, é preciso que você escolha somente um contato para que posteriormente seja possível adicionar outras pessoas. Mesmo que possa parecer uma funcionalidade simples, ela poderia ser muito útil para enviar emails para vários contatos, por exemplo.

Com o novo recurso, você seria capaz de escolher os contatos na própria agenda do aparelho e criar um email com todas as pessoas marcadas. Embora algumas personalizações já permitam que você crie listas especificas de pessoas, um recurso nativo facilitaria a tarefa.

10. Updates mais rápidos

Quem possui um aparelho mais antigo ou um produto com versão exclusiva para o Brasil sabe muito bem como é frustrante esperar pelas atualizações do Android. Mesmo quem costuma receber os updates do SO com mais frequência tem ciência de que pode demorar seis meses ou mais para que uma fabricante os lance para determinado dispositivo.

Por isso, algo que pode acontecer na Key Lime Pie é que a Google desacople as customizações do core do sistema, o que permitiria aos fabricantes de aparelho liberar as atualizações de forma mais rápida.

11. Atualizações seletivas de apps

Há quem prefira manter todos os aplicativos instalados no aparelho na versão mais recente possível. Porém, em alguns casos (especialmente para quem possui dispositivos mais modestos) nem sempre vale a pena instalar um update pesado e que não apresente muitas mudanças ou alterações realmente significativas.

(Fonte da imagem: Divulgação Android)

Dessa maneira, alguns esperam que a Google crie uma função para você escolher apps que não deseja atualizar automaticamente. Alguns falam em um botão no gerenciamento do programa que permita ao dono do smartphone marcá-lo para nunca receber updates.

12. Configurações personalizadas

Desde o seu “nascimento”, o Android é um sistema de código aberto que abre espaço para as personalizações e para a liberdade de você modificar itens. Alguns acreditam que a Key Lime Pie venha a oferecer a possibilidade de você modificar a ordem dos itens dispostos nas configurações do aparelho para deixá-los mais ajustados ao seu modo de uso.

Assim, quem quiser poderia optar por agrupar as configurações de maneiras diferentes, agilizando o acesso às preferências que mais utiliza e deixando o seu aparelho personalizado ao seu gosto. No entanto, como a Google quer gerar certa familiaridade das pessoas com o sistema (independente do aparelho), é bem possível que tal característica não saia do campo dos rumores.



13. Melhoria em funções atuais

Não se espera apenas que novos aplicativos sejam introduzidos na Key Lime Pie. Há também vários rumores sobre mudanças nos apps já apresentados nas versões mais recentes do Android, como o Google Now e o Photo Sphere. Da mesma forma, há especulações sobre melhorias na tela de bloqueio do Android.

(Fonte da imagem: Divulgação Google)

As especulações nesse campo são variadas, contando com ideias que caso venham a ser implementadas, podem fazer com que as experiências dos donos de aparelhos com Android sejam ainda melhores.


Fonte: Tecmundo

Key Lime Pie | 13 coisas que poderão estar presentes no Android 5.0
por Geovanne Vercautter
Classificação: 5
(Fonte da imagem: Wikimedia Commons) Key Lime Pie é o codinome para o Android 5.0, que tem como previsão de estreia o dia 5 de outub...